Oct. 20th, 2005

  • 4:46 AM
lu: (Can't get mad)
• Liste dez coisas que você gostaria de dizer para algumas pessoas mas sabe que jamais irá fazê-lo.
• Não diga quem são estas pessoas.
• Não volte a discutir o assunto.
• A mesma frase pode ter mais de um alvo. (E prepare-se: frases inocentes certamente serão interpretadas de forma maldosa por várias pessoas.)
• Desculpe-se antecipadamente pelo fato da maior parte dos recados ter natureza negativa. Mas, geralmente, se temos algo gentil a dizer, dizemos, a não ser que seja embaraçoso.
• As frases não precisam ser, necessariamente, negativas


1. Me desculpe ter sumido da sua vida deste jeito. Eu sou assim, e me odeio por isso.

2. Eu te amei mais do que a qualquer pessoa no mundo. E mantenho isso.

3. Eu não faço a menor questão de te ver, de te ligar, de falar com você por qualquer meio que seja. Eu acho que você fez uma merda, e devia começar a pelo menos fingir que você sabe. Não, eu não te amo mais. Patada demais dá nisso.

4. Impressionante como brigas nunca acabaram com a gente. Você é uma das melhores pessoas que eu já conheci, e eu quero te guardar pra sempre.

5. De todas aquelas que abrem portas, eu não vivo sem duas. Você *aponta pra afirmação de cima* e você.

6. A verdade é que você me decepcionou. E a culpa não foi sua.

7. Ainda me pergunto se você existe, ou é só mais uma mentira.

8. Eu tenho uma paixão sádica por brigar com você. Mas nem um pouco masoquista.

9. Se eu te expulsei da minha vida, é pra você ficar do lado de fora.

10. Você tem me feito feliz... mesmo contra seus planos. xD

Sem Mac. Aconteceu uma coisa muito estranha, e espero que já esteja normal quando eu voltar do Rio. Ah, sim. Eu estou indo pro Rio hoje. Quem fizer alguma questão de me ver, pode me ligar no celular de São Paulo ou nos números da Christy (eu devo estar com ela por um bom tempo). Caso você não tenha nenhum dos dois números, ligue na minha casa ou pra minha mãe e peça. Eu só cansei de ouvir "veio pro Rio e não me viu". Se eu não vi, talvez você não seja tão importante quanto achava que era, hum (o que vale para quase todo mundo, com exceção da minha uke e dos KPs)?

Tags:

You like bowling, don't you, Montag?

If you don't want a man unhappy politically, don't give him two sides to a question to worry him; give him one. Better yet, give him none. If the government is inefficient, topheavy, and tax-mad, better it be all those than that people worry over it. Peace, Montag. Give the people contests they win by remembering the words to more popular songs or the names of state capitals or how much corn Iowa grew last year. Cram them full of noncombustible data, chock them so damned full of 'facts' they feel stuffed, but absolutely 'brilliant' with information. Then they'll feel like they're thinking, they'll get a sense of motion without moving. And they'll be happy, because facts of that sort don't change. Don't give them any slippery stuff like philosophy or sociology to tie things up with. That way lies melancholy.

Latest Month

August 2009
S M T W T F S
      1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031     

Page Summary

Tags

Powered by Dreamwidth Studios
Designed by [personal profile] chasethestars